Fonte Maior Fonte Padrão Fonte Menor
07 Mai 2009
"Deus espera algo de mim, preciso servir a Ele."afirma Claudia Leite
0 Comentários - Comentar  ::  Categoria: Reportagens

Claudia Leitte vai passar seu primeiro Dia das Mães com o filho, Davi, de 3 meses e meio, ainda internado no hospital Copa D´Or, onde ele se recupera de meningite.

Mas, ainda assim, a cantora está dando glórias nas alturas. Segundo ela, seu filho só está bem porque ela ouviu a um chamado divino. "Ainda no Projac (estúdios da Globo onde gravava Caldeirão do Huck), recebi uma mensagem de Deus: ´Leve seu filho agora para o hospital. Ele precisa´", contou Claudia, que segunda-feira à noite foi com a criança para o médico.

"Deus é perfeito. Na semana do Dia das Mães, o inimigo queria me destruir, mas Deus foi mais forte. Ele, que teve misericórdia e compaixão de mim. Meu filho e minha família são tudo para mim, sem eles não existo. Dinheiro e fama são passageiros", disse ela, que desde que entrou no hospital ficou 48 horas sem dormir e fez da Bíblia seu livro de cabeceira. O susto com o bebê lhe deu uma lição: "Deus espera algo de mim, preciso servir a Ele."


Claudia cancelou os shows previstos para o próximo fim de semana e deve ficar no hospital até terça-feira: a medicação do bebê termina na segunda-feira à noite. "Ele precisa ficar pelo menos sete dias tomando antibiótico, seria um trauma transferi-lo antes", conta o assessor da cantora, Paulo Sampaio. O resultado do exame que determina o tipo de meningite sai entre 48 e 72 horas.


Cantora ocupa dois quartos no hospital


Claudia ocupa duas suítes no 5º andar. Em uma, fica a unidade semi-intensiva, para onde o bebê foi nesta quarta-feira, com o berço ao lado da cama e aparelhos que monitoram a saúde de Davi. No outro quarto, ela descansa e recebe visitas, como a de Preta Gil. Claudia passa as noites em claro e dorme de dia. Ela faz as refeições no quarto e jantou comida tailandesa.


"Minha filha é guerreira. Pode estar em frangalhos por dentro, mas aguenta", diz sua mãe, Ilna. O marido, Marcio, fica no hospital e os pais dormem no hotel. Terça, ela chorou ao saber que um fã rezava na porta do hospital à noite.

Fonte: "Portal  Gospel TV"

    Notícias do bebê...

Segundo informações do jornal "O Globo", o filho de Claudia Leitte ( Davi Leite ), está com alta prevista para a próxima quarta-feira. O bebê de três meses já está curado da meningite diagnosticada no início desta semana. Mas, como está em tratamento à base de antibióticos, terá que ficar sob observação até o meio da próxima semana.

Informações do Jornal: "O Dia":  Davi não terá sequelas

Rio - Claudia Leitte confessou a médicos do hospital Copa D’Or ter se preocupado ao pensar que as viagens a trabalho em que levou o filho Davi, de 3 meses e meio, poderiam ter sido uma das causas da meningite. Mas ficou mais tranquila com as palavras da médica Jussara Reis: “Se você pecou, foi por excesso de amor ao seu filho”, disse, referindo-se ao fato de Claudia levar o bebê para poder amamentá-lo. Internado desde segunda no Copa D’Or, o bebê se recupera bem e ficará no hospital até quarta-feira. De acordo com boletim médico de ontem, ele sofre de meningite bacteriana, mas o tipo de bactéria não foi detectado.

Davi foi submetido na noite de quarta-feira a ultrassonografia na cabeça para checar se havia risco de sofrer efeitos da doença. “O resultado saiu e ele não tem sequela”, afirmou o assessor da cantora Paulo Sampaio.

  


07 Mai 2009
Atriz Luiza Tomé declara que a fé salvou seu casamento
0 Comentários - Comentar  ::  Categoria:


Luiza Tomé ao lado do marido

Atriz, que volta à TV em tributo a Machado, conta que a fé salvou seu casamento.

Ela é inquieta, não pára um minuto. A atriz Luiza Tomé (45) é capaz de fazer tudo ao mesmo tempo. Cuida do marido, o empresário Adriano Facchini (44), com quem acaba de completar 15 anos de união, dos filhos Bruno (10), Luigi e Adriana (4), que ainda exigem muito a sua presença, e trabalha na Rede Record, onde tem contrato até 2010. Sua próxima aparição na TV será na adaptação de Os Óculos de Pedro Antão parceria da emissora com a produtora Contém Conteúdo -, em homenagem ao centenário de morte do autor, Machado de Assis.

A vida glamourosa, no entanto, está longe de parecer anúncio de margarina, como a atriz faz questão de enfatizar. “É corrido. Quando gravo, me divido em mil”, conta ela, que, apesar da rotina agitada, sente-se mais estruturada. Além da harmonia familiar e da satisfação profissional, Luiza descobriu uma nova religião. Há dois anos e meio, freqüenta, com o marido e os filhos, a Igreja Batista Palavra Viva. E, desde então, assegura que tudo mudou para melhor.

O que aconteceu na sua rotina de vida depois que você virou evangélica?

Muita coisa. A relação melhorou. Adriano era mais ciumento e isso incomodava. Ele aprendeu a perdoar, a não ter mágoa, coisas que só fazem mal. Eu o levei para a igreja e, no final, ele se apegou muito mais. Já fui católica, budista, kardecista. Mas agora me achei. O mundo precisa de fé. Não consigo viver sem Deus. Peco, sou pecadora, sim. Gosto de dançar, beber vinho, fumar meu cigarro. Mas tenho encontrado mais equilíbrio.

Você e Adriano já superaram uma crise. Como foi?

Tivemos uma grave quando já freqüentávamos a igreja, há cerca de um ano. É difícil ficar casada por quinze anos e não passar por uma crise ou outra. Quase acabamos, mas seguramos a onda, colocamos tudo na balança. Acho que vamos ter muitos problemas ainda, mas sinto que a cada dia que passa evoluímos na relação. Em um determinado ponto do casamento, a paixão vai embora e o que fica é o amor. Mas fazer o que lá fora? Viver uma aventura? Chegamos à conclusão de que não valia à pena deixar uma relação com três filhos se a gente ainda se amava.

E as crianças, como reagiram a essa nova opção religiosa?

Meus filhos são a minha vida. E eles adoram a igreja. É bom que as crianças cresçam com o sentimento de fé. O Luigi canta o hino de louvor durante o banho. É a coisa mais linda. Fico arrepiada só de ouvir. Ele é o que mais questiona e sempre tentamos esclarecer tudo da melhor maneira possível.

Como você se sente com 45 anos de idade?

Muito bem. Sou cuidadosa com meu corpo e minha pele, até porque tenho pânico de plástica.

E como está o trabalho?

Adoro a Record. Renovei meu contrato até 2010 e gravei o especial, que ficou lindo. Estou feliz de participar de um projeto em homenagem a Machado. Fiquei tão empolgada que já penso em produzir um de seus textos para o teatro.

Fonte: Portal "O Verbo - Notícias Cristãs"

 


07 Mai 2009
Diarista por 3 dias não tem direitos, decide Justiça do Trabalho
0 Comentários - Comentar  ::  Categoria: Utilidade Pública, Reportagens

Domésticas que trabalham por até três dias por semana na mesma casa, independentemente do tempo em que mantenham essa rotina, não têm direitos trabalhistas, como férias e 13º, segundo a 7ª Turma do Tribunal Superior do Trabalho.

A decisão consolida outras sobre o mesmo tema dentro do próprio tribunal -- reconhecendo o vínculo empregatício apenas quando há continuidade na prestação dos serviços.

Juízes de instâncias inferiores já decidiram em favor dos direitos trabalhistas para diaristas que trabalham até três vezes por semana. Mas, com a decisão superior, esses processos têm menos chances de ganho, caso os patrões recorram.

No caso do TST, uma dona de casa de Curitiba (PR) teve uma diarista que trabalhava três vezes por semana e, posteriormente, duas vezes. No total, foram 18 anos de trabalho --o que poderia configurar uma relação de frequência, um dos argumentos usados pelos tribunais inferiores para dar ganho de causa à doméstica.

A patroa recorreu ao TST. "O vínculo com o doméstico está condicionado à continuidade na prestação dos serviços, o que não se aplica quando o trabalho é feito alguns dias da semana", afirmou o relator do recurso, ministro Pedro Paulo Manus.

Além da lei

Para José Venerando da Silveira, advogado do Sindicato das Domésticas de São Paulo, a recente decisão do TST vai além do limite da lei, restringindo o direito ao vínculo empregatício em um caso em que a CLT não restringe.

"Não está escrito em lugar nenhum que o trabalho precisa ser feito por cinco ou seis dias por semana para que o vínculo seja estabelecido. A lei só fala em trabalho "de natureza contínua". Ora, uma função exercida durante 18 anos não é contínua?", questiona.

Vários fatores

Para decretar a existência ou não de vínculo empregatício no trabalho doméstico, a Justiça leva em conta uma série de fatores, além do número de dias trabalhados por semana.

Segundo a presidente da Associação dos Advogados Trabalhistas de São Paulo, Ana Amélia Mascarenhas Camargos, se a diarista vai ao trabalho em dias específicos (segundas, quartas e sextas, por exemplo), isso reforça a ideia de que o trabalho é habitual (e não eventual), o que caracterizaria o vínculo.

Do mesmo modo, se o pagamento é feito uma vez por mês, em vez de diariamente, isso é um indício de que há vínculo, pois pressupõe que há um acerto entre patrão e empregado e que o trabalho não é feito por uma diarista, que pode deixar de ir trabalhar quando quiser.

Fonte: FolhaOnline


07 Mai 2009
Maria: um exemplo de mãe
0 Comentários - Comentar  ::  Categoria: Crônicas da Vida

Por: (*) Silvia Letícia Carrijo de Azevedo Sá

Estes dois últimos séculos pode até ser chamado de “século feminino”. Onde as mulheres têm ganhado cada dia mais espaço. Porém, este privilégio não é da nossa geração. Houve uma mulher que teve o seu valor reconhecido há muitos séculos atrás, dela falamos muito, pode até ser considerada a mulher mais famosa de todos os tempos. Foi Maria: a mãe de Jesus Cristo.

Ela era uma mulher forte, e decisiva na história da humanidade pós Cristo. “A virgem engravidará e dará à luz um filho ... Mas José não teve relações com ela enquanto ela não deu à luz.. E ele lhe pôs o nome de Jesus.” (Mateus 1:23-25)

A coragem de Maria é um exemplo. Imagine o fato. Virgem naquela época sem liberdade de expressão e muito menos corporal, noiva, e aparece grávida. De quem? Um tal Espírito Santo que ninguém conhecia, nem ouvira falar direito. Como dizer ao noivo, que ela havia sido visitada por este Espírito que diz a ela como seria sua gravidez, e nome do bebê. Precisava muita coragem para dizer SIM ao Espírito Santo. Pois Ele jamais a forçaria a tal situação se em seu coração ela não estivesse disponível ao preço que seria pago diante daquela sociedade.

Ela enfrentou tudo, José por sua vez também visitado pelo mesmo Espírito assumiu seu papel de pai. E Maria teve o Salvador. “Você ficará grávida e dará à luz um filho, e lhe porá o nome de Jesus... será chamado Filho do Altíssimo." Maria pergunta ao anjo Gabriel: "Como acontecerá isso, se sou virgem?" O anjo respondeu: O Espírito Santo virá sobre você, e o poder do Altíssimo a cobrirá com a sua sombra. Assim, aquele que nascer será chamado santo, Filho de Deus.” (Lucas 1:26-35)

Sua caminhada de mãe e mulher não foi diferente da nossa, cumpriu seu papel de esposa, lhe ensinou a dar os primeiros passos, falar, ser obediente. Mesmo sabendo de sua missão e como esta terminaria. Na morte de Cristo na Cruz do Calvário Maria volta a mostrar sua força materna. Vê um filho morrendo sem culpa, sem pecados. Morrendo pelos pecadores de sua época e de épocas vindouras que ela nem sabia quem seria. Não desanimou, seguiu seu filho firme e forte, chorando muito é claro, pois a mãe não aprendeu a perder seu filho, mesmo sendo Ele o Salvador. Mas ela continuou sua caminhada até deixá-lo no sepulcro, sozinho (aparentemente). Mas na sua ressurreição ela confirma. Sua FÉ não foi um sonho nem ilusão, e que todo seu trabalho como mãe e serva de Deus não foi em vão.  Ali estava o SALVADOR do mundo. Seu Filho. Filho de Deus.

Mãe não veja o educar de seu filho como algo só de dificuldades, temos que aprender com Maria, a sermos fortes na luta e doce no carinho. Não sabemos quem ele(a) será, mas temos a certeza que, no que depender de nós, ele(a) será um(a) grande cidadão (cidadã). Maio é o seu dia mãe, PARABÉNS. Você é o nosso eterno exemplo de vida.

(*) Bacharel em Teologia
Transcrito do Portal: "Texto Livre"
Contato com a autora: clique aqui

 


03 Mai 2009
Blog do Pastor - aumentam as visualizações em todo o mundo
0 Comentários - Comentar  ::  Categoria: Reportagens, Pesquisas & Estatisticas

Estatísticas de acessos pelo mundo ao Blog do Pastor
Intervalo de datas: 4/4/2009 até 3/5/2009






 

 


<< Recentes 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103 104 105 106 107 108 109 110 111 112 113 114 115 116 117 118 119 120 121 Anteriores >>

Crônicas da Vida
Pastorais e Estudos
Eventos
Comunicações
Utilidade Pública
Humor
Reportagens
Mulher
Pesquisas & Estatisticas
Avivamento
Pedido de Oração
Datas Celebrativas
Fotos
Clips
Livros - Indicação
Missões
Ilustrações
Áudios de Mensagens
Oportunidades de Negócios


Facebook

Visitantes: 407783
Visitantes Online: 2
© Blog do Pastor - 2007 desenvolvido por