Fonte Maior Fonte Padrão Fonte Menor
01 Mai 2006
Greve de Fome do Garotinho
0 Comentários - Comentar  ::  Categoria: Pastorais e Estudos, Reportagens

Por: (*) Edemar Vitorino

Todo o Brasil foi surpreendido com a atitude do ex-governador do Rio de Janeiro Anthony Garotinho, de iniciar greve de fome contra as denúncias de financiamento irregular de sua pré-campanha a presidente da república pelo PMDB. Garotinho reivindica a presença de observadores internacionais no processo eleitoral brasileiro e igualdade de tratamento ao demais candidatos.

É de se lamentar este ato de Anthony Garotinho sob todos os aspectos! Sob o ponto de vista político, não nos parece ser essa a iniciativa mais adequada. No aspecto emocional, nós não somos a pessoa certa para opinar, mas nos passa uma imagem de desespero, e de descontrole emocional. Mas isto, só os médicos poderão testificar. Sob a ótica cristã, carece de respaldo bíblico.

O ato de Anthony Garotinho repercutiu negativamente por todo o país, até mesmo entre os seus aliados políticos. Do homem público, em casos de suspeitas ou de denúncias, espera-se:- 1) atitudes que demonstrem equilíbrio; 2) que venha a público e apresente convincentes respostas; 3) que não tente encobrir as denúncias; 4) que reconheça publicamente a sua falta, se for o caso, e peça desculpas ao povo: 5) atitudes firmes com vistas a reparação do seu erro.

Biblicamente falando, a Palavra de Deus condena tanto a auto-comiseração quanto o auto-flagelo, como diz, por exemplo o texto de I Coríntios 3:16-17: “Não sabeis que sois santuário de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós? Se alguém destruir o santuário de Deus, Deus o destruirá; porque o santuário de Deus, que sois vós, é sagrado.”

Em situações assim, de pressão, como a que ora atravessa Anthony Garotinho, os políticos cristãos da Bíblia, ao invés de se auto-flagelarem com “greves-de-fome”, e se humilharem publicamente diante dos poderes estabelecidos, realizavam atos públicos de jejum e oração dedicados a Deus, e, a Deus eles dirigiam as suas solicitações e reivindicações, e não aos homens e políticos. Exemplos:- “Então, apregoei ali um jejum junto ao rio Aava, para nos humilharmos perante o nosso Deus, para lhe pedirmos jornada feliz para nós, para nossos filhos e para tudo o que era nosso.” - Esdras 8:21; “No quinto ano de Jeoaquim, filho de Josias, rei de Judá, no mês nono, apregoaram jejum diante do SENHOR a todo o povo em Jerusalém, como também a todo o povo que vinha das cidades de Judá a Jerusalém.” - Jeremias 36:9.

A nosso ver, essa greve de fome será inóqua, e não irá contribuir em nada para a solução da crise de Garotinho. A democracia brasileira está consolidada e não carece, pelo menos neste momento, da presença de observadores internacionais. Tratamento igual ele não terá mesmo, sempre foi assim! Como político experiente que é, Garotinho conhece muito bem o jogo político, e já devia saber disso!

Oremos por esse nosso amado irmão, para que o Espírito do Senhor o convença a abandonar essa greve de fome, o quanto antes, e lhe dê uma saída a mais honrosa possível, mesmo nas atuais circunstâncias.

(*) Edemar Vitorino - é pastor evangélico, escritor,  conferencista ... Saiba mais...


01 Mai 2006
Vamos Impedir Que Esse Filme Chegue Ao Final
0 Comentários - Comentar  ::  Categoria: Crônicas da Vida

Por: (*) Edemar Vitorino

Até parece que esse filme já rodou!

Essa crise com o Irã até parece “repeteco” da crise do Iraque…

A causa principal, no caso do Iraque, seria o estoque de armas químicas de Saddam Hussein, cuja existência acabou não sendo comprovada! Agora, contra o Irã, seria o programa nuclear…

A forma como a crise vem se desenrolando, segue o mesmo “script” da crise contra o Iraque… Denúncias, reuniões das “Agências” e “Conselhos” da ONU, a aprovação de resoluções pela ONU, e a medição de forças entre os países patrocinadores do conflito. E culminará com a guerra, se não for dado um basta pelas vias diplomáticas.

Será uma guerra terrível, que poderá resultar em catástrofes e na morte de muitos inocentes, pelos desdobramentos que poderão ocorrer… Pelo que já foi noticiado, há sérios riscos de explosões atômicas; e há também a ameça feita pelo Irã de colocar em ação um exército de milhares e milhares de homens-bomba… A TV inclusive exibiu imagens de filas quilométricas de alistamentos de voluntários à suicidas!

Nós não podemos ficar inertes como se esse conflito não nos dissesse respeito… Se essa guerra acontecer a paz mundial será abalada, e o mundo todo estará em perigo…

Precisamos orar… Devemos interceder a Deus em favor dos líderes das nações em conflito, pelos membros da ONU, pelas nações… A palavra de Deus diz em Eclesiastes 3:8: “tempo de amar e tempo de aborrecer; tempo de guerra e tempo de paz.” Este é um tempo de paz!

Com base no Salmo 34:14, que diz: “Aparta-te do mal e pratica o que é bom; procura a paz e empenha-te por alcançá-la”, conclamamos a todos os nossos leitores, e a todos os cristãos em todo o mundo, a jejuarem e orarem pela paz mundial; e a todos aqueles que exercem funções de liderança em igrejas sugerimos a organização de círculos, cruzadas, correntes, campanhas de orações, marchas e atos públicos pela paz mundial.

“A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos.” ( Tiago 5:16b ). E as orações de “muitos justos” poderão muito mais! Poderão inclusive paralisar as mentes e as máquinas alimentadoras desse conflito, e impedir que esse filme chegue ao seu final!

(*) Edemar Vitorino - é pastor evangélico, escritor,  conferencista ... Saiba mais...


29 Abr 2006
Telemar Lança Plano de Cobrança Em Minutos
0 Comentários - Comentar  ::  Categoria: Comunicações, Utilidade Pública

Por: (*) Edemar Vitorino

RIO - A Telemar lançou planos alternativos com a fatura em minutos, em vez de pulsos, para clientes residenciais de todo o país. O usuário pode optar pelo plano em minutos com a conta detalhada, a partir de do pacote básico de R$ 43,90 (preço com impostos para o Estado do Rio de Janeiro) que dá direito a 230 minutos para utilização em chamadas locais. A assinatura básica em pulsos custa R$ 41,90 com 100 pulsos de até 4 minutos cada um.

Há ainda opções de 350, 500 e mil minutos, com opções para quem não usa internet ou usa pouco, por exemplo…

Clique aqui para acessar o restante da matéria no “Globo Online”

(*) Edemar Vitorino - é pastor evangélico, escritor,  conferencista ... Saiba mais...


28 Abr 2006
Valorize Seu Trabalho
0 Comentários - Comentar  ::  Categoria: Pastorais e Estudos

Por: (*) Edemar Vitorino

Na oportunidade da passagem de mais um “Dia do Trabalho”, quando há tanta gente desempregada, e uns tantos outros ameaçados de perderem o emprego, fico pensando:- e ainda tem gente que não valoriza o emprego! Realiza o trabalho de qualquer jeito; não se atualiza; não se interessa em evoluir; vive trabalhando de má vontade e de mau humor, distratando os companheiros e espantando a clientela, e, ainda por cima, peca na assiduidade e na pontualidade!

A Palavra de Deus diz em I Tess 4:10-11 o seguinte:- “Exortamo-vos, porém, a que ainda nisto continueis a progredir cada vez mais, e procureis viver quietos, e tratar dos vossos próprios negócios…”. O cristão é exortado a “progredir” e a “tratar” (=cuidar) do que é seu… A expressão “tratar dos vossos próprios negócios” não significa que cada um deva ter o seu negócio próprio… A ênfase aqui é para a “responsabilidade” que cada cristão deve ter pelo seu meio de vida, pela fonte de onde é tirado o seu sustento.

O mundo é dinâmico, e não estático! As mudanças hoje em dia se processam aceleradamente, inclusive na área do saber, do conhecimento. Quando você olha para trás, fica admirado da forma arcaica como se fazia antigamente… Fica entusiasmado em constatar como a técnica evoluiu… Mas, pode crer que não ficará assim para sempre; logo, logo, aparecerá outra forma inovadora! Quem é teimoso, avesso ao progresso, e resistente a mudanças, acaba perdendo o emprego!

Deus não reprova o progresso, antes, exorta o trabalhador:- “continueis a progredir cada vez mais”! Em Eclesiastes 9:10 diz: “Tudo quanto te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças, porque no além, para onde tu vais, não há obra, nem projetos, nem conhecimento, nem sabedoria alguma.”. A expressão: “faze-o conforme as tuas forças” significa que você deve dar o máximo de sí, deve envidar o seu esforço máximo, ir ao limite! Infelizmente, tem gente que por não entender o texto, faz o trabalho de qualquer jeito, sem empenho algum, desiste diante das primeiras dificuldades, e depois ainda diz: “fiz o que pude”!

É preciso valorizar o trabalho. Valorizar o trabalho significa:- mudar a visão, acreditar mais em você próprio, e naquilo que você poderá conquistar através do seu trabalho; valorizar o seu atual emprego ( emprego tá difícil! ); aprenda a ser agradecido a Deus em tudo! buscar descobrir novas perspectivas e possibilidades de progresso; investir em sua formação e especialização - não fique parado esperando que a empresa lhe pague um curso, faça todos os cursos que você tiver a oportunidade de fazer! Dê sempre o seu melhor em tudo o que você se propuser a fazer.

Deixo aqui uns conselhos básicos, que muito poderão lhe ajudar a ser um excelente profissional, bem sucedido na vida:-

1- Aprenda a assumir riscos - Os riscos fazem parte de qualquer atividade, e são inevitáveis! “Entrega o teu caminho ao Senhor, confia nele, e o mais ele fará.”- SL 37:5. Vá por fé, e Deus será com você!

2- Saiba aproveitar as oportunidades - Faça como Salomão, peça a Deus sabedoria e conhecimento (= discernimento ). “E, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente e não o lança em rosto; e ser-lhe-á dada.” - Tiago 1:5 - Fique ligado, porque há oportunidades na vida que são únicas, não se repetem jamais!

3 - Especialize-se- “Exortamo-vos, porém, … continueis a progredir cada vez mais…” - I Tess 4:10. Quanto mais você dominar a técnica do trabalho que pretende realizar, melhor! Maiores serão suas chances de êxito! Não descanse na premissa (que pode ser até verdadeira!) de que você já sabe mais que o suficiente… Busque aprender novos conhecimentos através de cursos, livros, congressos, seminários, e pela troca de experiências com outros profissionais do ramo.

4 - Organize-se- A organização facilita o trabalho e economiza tempo e dinheiro! “Se você deixa o machado perder o corte e não o afia, terá de trabalhar muito mais. É mais inteligente planejar antes de agir.” - Eclesiastes 10:10; “Afinal, antes de entrar numa batalha, é preciso planejar bem…” - Provérbios 24:6;

5 - Aprenda a tomar decisões- Em toda profissão sempre haverá um nível de decisão que será o da sua competência. É preciso ter confiança em si mesmo, vontade de vencer obstáculos, e iniciativa! “Tudo quanto te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças…” - Eclesiastes 9:10;

6 - Estabeleça metas e objetivos- “Assim corro também eu, não sem meta; assim luto, não como desferindo golpes no ar.” - I Coríntios 9:26. Quem segue sem rumo e sem direção não deve esperar chegar a lugar algum! Defina previamente os seus alvos; estabeleça metas, e os passos a serem dados para alcançá-las…

7 - Seja otimista sempre- “Confia no SENHOR de todo o teu coração e não te estribes no teu próprio entendimento” - Provérbios 3:5. Ter auto-confiança é necessário, e faz parte; porém, não confie demais no seu próprio braço - confie que o Senhor abençoará o seu trabalho, e lhe conduzirá à vitória

Aprendemos na Palavra de Deus que há sempre uma parte a ser feita pelo homem. Se o homem faz a sua parte, Deus é fiel em fazer a dele! Faça a sua parte…

Valorize o seu trabalho!

(*) Edemar Vitorino - é pastor evangélico, escritor,  conferencista ... Saiba mais...


27 Abr 2006
Melhor Que A Terapia da Vassoura
1 Comentários - Comentar  ::  Categoria: Crônicas da Vida, Mulher

Por: (*) Edemar Vitorino

Deu no noticiário hoje que, na Alemanha, as mulheres indicaram como melhor terapia para curar o “stress” a realização de trabalhos domésticos:- cozinhar, passar, varrer, limpar … Segundo foi noticiado, este resultado reflete a opinião da maioria de duas mil mulheres ouvidas. Podemos apelidar essa terapia de “terapia da vassoura”…

É possível que, no Brasil e, talvez, em outros países do mundo, o resultado de uma pesquisa dessas fosse bem diferente, em face do grande número de mulheres que trabalham fóra, e em razão do direito de igualdade com o homem, conquistado pelas mulheres, desde há muito…

Em um debate ao vivo, também hoje, em uma emissora fm carioca, foi perguntado a uma pastora qual era a sua opinião a respeito da terapia alemã. A representante feminina brasileira discordou taxativamente da opinião das mulheres alemãs, e declarou que, para ela, o “remédio” do qual se utiliza para aliviar o estresse é: “sentar no sofá e ler um bom livro” … Poderíamos denominar essa terapia da pastora de “terapia do livro”.

Concordei na hora com a opinião da pastora brasileira, e os meus pensamentos me levaram além… Me fizeram lembrar que não existe melhor livro, e nem melhor leitura, do que a leitura da Bíblia Sagrada, que é a Palavra de Deus! Com certeza, uma leitura do texto sagrado, com calma, reflexivamente, e em espírito de oração, traz alívio imediato, e cura para alma. Podemos chamar essa terapia de “terapia da Bíblia”.

Sem dúvida alguma, a leitura diária de porções bíblicas é a melhor terapia, porque a Bíblia é a Palavra de Deus! Quando você a lê, através o texto bíblico, Deus vem e fala diretamente ao seu coração. Você sente Deus alí ao seu lado, pertinho de você! A Bíblia contém respostas para todos os questionamentos humanos; e Deus, na Sua onisciência, o conduzirá, em cada situação, a textos que se encaixarão certinho às suas necessidades …

A leitura da Bíblia não é uma leitura comum, porque a Bíblia não é um livro comum! A leitura da Bíblia lhe levará a um encontro pessoal, e real, com o Deus da Bíblia! Quando você imerge na leitura sagrada, há um desligamento mental das preocupações humanas, das cousas deste mundo… Você entra na dimensão do Epírito e encontra em Deus a resposta que você procura! E, ao cessar esse glorioso momento de comunhão com Deus, estabelecido através da leitura da Palavra de Deus, você se sentirá completamente aliviado. A leitura diária de porções bíblicas propiciará paz interior, para o coração, alívio e descanso para a mente, renovação do vigor físico, e cura total para o estresse!

Para quem anda estressado, melhor que a “terapia da vassoura” e a “terapia do livro” é a “terapia da Bíblia”! É a melhor terapia também para quem não está estressado - impede o estresse de se instalar! Esta terapia é para mulheres, homens, jovens e crianças; gente de todas as idades, em todo tempo, em qualquer situação…

Melhor que a “terapia da vassoura” e a “terapia do livro” é a “terapia da Bíblia”!

(*) Edemar Vitorino - é pastor evangélico, escritor,  conferencista ... Saiba mais...


<< Recentes 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103 104 105 106 107 108 109 110 111 112 113 114 115 116 117 118 119 120 121 Anteriores >>

Crônicas da Vida
Pastorais e Estudos
Eventos
Comunicações
Utilidade Pública
Humor
Reportagens
Mulher
Pesquisas & Estatisticas
Avivamento
Pedido de Oração
Datas Celebrativas
Fotos
Clips
Livros - Indicação
Missões
Ilustrações
Áudios de Mensagens
Oportunidades de Negócios


Facebook

Visitantes: 389856
Visitantes Online: 2
© Blog do Pastor - 2007 desenvolvido por